Mostrando postagens com marcador NEGÓCIOS. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador NEGÓCIOS. Mostrar todas as postagens

NEGOCIOS EM ALTA NA PANDEMIA

Um fato interessante  é falar de negócios em alta na pandemia. Mas também, é fato que toda crise gera mudanças. Todos sabemos que a situação atual, com relação à crise causada pela pandemia, provocou uma série de mudanças no mercado, obrigando as empresas mudarem seu sistema de atendimento, para conseguir se manter no mercado. Caso contrário, muitas dessas empresas fecharão suas portas.

COMO EMPREENDER NA PANDEMIA

Com a pandemia do coronavírus, muitas empresas fecharam as portas. Outras empresas não estão passando por essa situação. Driblaram a situação e estão faturando muito. Quem já atuava no mercado com atendendo online, por exemplo, apenas fez intensificar seus serviços para fidelizar seus clientes. 

Diante desse novo cenário do mercado, é importante saber qual a direção dos ventos das oportunidades, onde investir para se manter no mercado, que nicho de mercado está sobressaindo nessa pandemia? 

NEGOCIOS EM ALTA NA PANDEMIA

Então vamos relacionar aqui alguns desses nichos de mercado que estão dando conta do recado. 

1. CURSOS ONLINE

Imagem de Lukas Bieri por Pixabay 

Bom, como havíamos dito, quem já estava no nicho de mercado usando a internet, apenas fez aumentar o volume de procura por esses serviços. Esse tipo de nicho viu seu crescimento evoluir ainda mais com a chegada da pandemia, tendo em vista que essa crise provocada pelo coronavírus, mudou comportamento, trazendo novos hábitos de consumo e convívio social. Então, se você tem como oferecer esse tipo de serviço, o momento é esse.


Isso pode lhe interessar também:

COMO FAZER CURSOS ONLINE

2. COMPRAS ONLINE

Imagem de mohamed Hassan por Pixabay 

Segundo pesquisas, houve um aumento no comércio eletrônico de 40% nos primeiros quinze dias do mês de março, no ano de 2020 comparando-se com o ano anterior, no mesmo período. Então, a pandemia fez com que as pessoas tivessem mais cuidados e evitassem contágios. Isso mudou hábitos, buscando como saída suas compras na internet.

É muito comum verificar sites que estão promovendo vendas de todo tipo de produto e serviços. Com o crescimento do acesso e compras online, nessa pandemia, aumentou também diversos serviços pela internet. 

Os empresários perceberam a grande demanda de acesso à rede, devido o isolamento social e grande parte dessas pessoas, fazem compras online em suas casas, ou no trabalho, para evitarem sair, para não contraírem a doença do vírus.


3. DELIVERY


rapaz com bicicleta delivery
Imagem de postcardtrip por Pixabay

A gente pode dizer que a bola da vez é o delivery. Muitas empresas tiveram que utilizar esse tipo de serviço com o sistema de delivery, as empresas permanecerem atendendo, mesmo de portas fechadas. Restaurantes, supermercados, lanchonetes, lojas de roupas, etc.

Segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), o delivery de alimentação movimenta R$ 11 bilhões por ano no País. Vejam que aqui foram levados em consideração apenas o nicho de alimentação. Imagina no geral!

Se você tem interesse em possuir uma franquia, sugerimos consultar algumas das principais no mercado e que estão enquadradas no sistema de delivery.  Ficou interessado em alguma franquia ? Acesse o portal de franquias e confira todas as franquias de delivery.

PORTAL DE FRANQUIAS

MARMITAS

Imagem de Pexels por Pixabay

Uma mudança de hábito que fez com que as pessoas migrassem do escritório para suas residências, foi o acesso às tarefas do trabalho pelo sistema de home office. 

Muitas famílias precisavam não só manter a rotina do trabalho dentro de casa, assim como tinham que prestar atenção aos seus filhos que também, estão dentro de casa, por causa das aulas presenciais suspensas; devido ao corona vírus. 

Isso demanda um acompanhamento de alimentação para as crianças, principalmente.

Nesse contexto as vendas de marmitas foram as respostas para quem precisava seguir a vida, no ramo de algum nicho. Marmita congelada, por exemplo, foi a grande sacada, para quem queria ter um negócio e assim sobreviver diante desse novo cenário. 


Como foi dito acima, nem toda família estava preparada para ter todos ao mesmo tempo em casa. Sem tempo para dar atenção às tarefas do trabalho remoto e também, a gurizada todinha em casa, as pessoas tinham que buscar alternativas. Haja criatividade para alimentar a todos. Então, pedir comida pronta era a saída. 

Esse nicho de mercado faturou bastante no período da pandemia. Então quem tinha habilidades culinárias, viram nessa crise uma oportunidade para empreender e faturar sua grana. 

Muitos vídeos e cursos online, inclusive no Sebrae, ensinam como fazer marmitas. Se essa é a sua habilidade, invista tempo e recursos financeiros (se for o caso) e crie seu empreendimento próprio.

INFORMÁTICA

Imagem de Michal Jarmoluk por Pixabay 

Outra área que está se saindo muito bem é o setor de informática. Com a necessidade de permanecer em casa, as pessoas precisam de algo que lhe ocupe o tempo. 
Com um tempo maior, as pessoas em suas casas, com seus familiares, ficaram mais sentadas ou “paradas” diante das TVs assistindo a inúmeras programações nestes últimos dias, muito mais em relação à Covid-19.

Acomodadas, ouvindo som pelo celular ou outros meios de comunicação, assim é novo hábito das famílias. Muitos perguntam: como inovar em tempos de pandemia? Acredito mais do que nunca, o tempo é agora. Não perca tempo.
Então, sem sombra de dúvidas, o uso do computador, tablete, celular, será uma constante nessa situação. Assim sendo, peças, manutenção, jogos de games, etc, é uma fatia de negócios em alta na pandemia. 

Fazer cursos de manutenção de celulares, notebook, tabletes, a fim de se preparar para atender esse mercado, seria de muita importância para quem assim desejar.


Existem outros nichos, mas vamos deixar para um outro post. Se você gostou desse post, ou quer sugerir outros nichos que também fazem parte desse crescimento na pandemia, deixe seu comentário abaixo, acesse nosso site, curta nossa página e siga-nos nas redes sociais.

     

___________________________

Editor do blog*

Compartilhe nas suas redes sociais:

COMO ABRIR UM NEGÓCIO COM POUCO DINHEIRO

Imagem de Tiago Nigro, investidor

Como abrir um negócio com pouco dinheiro. Hoje, queremos compartilhar com vocês, o vídeo do canal Primo Rico, que por sinal, Tiago Nigro é uma das referências de empreendedores de sucesso no Brasil e tem um dos canais mais acessados do país. Um exemplo brasileiro de investidor e empreendedor.

Então, se você pretende iniciar um negócio, precisa de algumas ideias. Nesse vídeo, o Tiago Nigro com uma linguagem bem clara, mostra que formas mas adequadas, seu negócio começará com pouco dinheiro. 

Assista ao vídeo, deixe seu like, comente e ative o sininho e se inscreva no canal, pois vale a pena, assim você ficará atualizado todas as vezes que ele postar no canal.

Canal: O Primo Rico

Compartilhe nas suas redes sociais:

COMO IDENTIFICAR OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS

Como identificar oportunidades de negócios? Vamos comentar um pouco sobre o caso ocorrido na cidade de Santa Cruz do Capibaribe, no polo de confecções. Costureiras mudaram as rotinas de suas atividades durante a pandemia. Muitas horas de trabalhos, exaustivas, muitas vezes sem muito contato com as famílias, devido ao excesso de trabalho.

Mulheres buscando oportunidades de negocios

Essas costureiras, já não aguentando mais a rotina de trabalho nas fabricas, do município, com a chegada da pandemia e a ajuda do governo federal, algumas delas resolveram sair de suas atividades dos polos de confecções, para o desafio de empreender em outra área, criando seu próprio negócio.

A situação nos polos de confecções já enfrenta escassez de mão de obra. Uma realidade enfrentada ao mesmo tempo que a abertura e o afrouxamento do isolamento ocorriam nas feiras de confecções.

Os empresários procuram ocupar essas lacunas ofertando empregos para candidatos que queiram ocupar essa mão de obra escassa. Empresários afirmam que parte desses que deixaram o setor têxtil, pediram demissão para trabalhar por conta própria

Reuniao de negócios

Segundo pesquisas, grande parte desses trabalhadores não voltarão mais ao setor.  Parte destes alegam medo ao vírus e outros estão mesmo aproveitando as oportunidades de abrir um negócio, assim dando inicio a sua própria empresa.

Esses casos nos mostram duas realidades: A primeira realidade são aqueles que diante de uma situação de demissão, procuram logo, colocar currículos nas empresas, a fim de retornar ao mercado de trabalho e assim garantir seu salario no final do mês.


A segunda realidade é aquela em que diante de uma demissão do emprego, criam oportunidades, aproveitando tudo aquilo que está sem suas mãos, criando assim ideias para ter negócios pra começar em casa

Quando nos referimos a tudo o que está em suas mãos, queremos nos referir às ideias, oportunismo criativo, negócios para empreenderQuando surge o desemprego, para esses, não é o fim mas sim um começo ou recomeço. 

Assim surgiram muitos empreendedores no Brasil e no mundo, buscando investir nas oportunidades que surgiram antes e durante a pandemia.

Isso pode lhe interessar também

EMPREENDEDORISMO NA CRISE

Afinal, empreendedorismo é a capacidade de identificar problemas e oportunidades, buscando soluções. Essas pessoas saem de sua zona de conforto e da área de sonhos, partindo para a realização. São uns verdadeiros empreendedores. 

_________________

Editor do blog

Compartilhe nas suas redes sociais:

PEQUENOS NEGÓCIOS LUCRATIVOS

Como ganhar dinheiro trabalhando em casa? No cenário atual que estamos passando com a crise da pandemia, negócios que antes estavam funcionando a todo vapor,
Home office
começam a perceber seus lucros diminuindo e até mesmo aquelas empresas que não suportaram a crise, independentemente de ajuda financeira dos governos, tiveram que reduzir quadros de funcionários, e, o que muitos não desejariam, muitas demissões, atrapalhando a vida de muitos funcionários que planejaram muitos propósitos na vida, antes da pandemia.

O mundo, em grande ou pequena escala, teve que se readaptar ao novo formato de sobrevivência na vida e nos negócios, enquanto perdura a pandemia. 

Sem empregos o brasileiro precisa se reinventar para sobreviver. É preciso criar novas oportunidades ou mesmo aproveitar aquelas que surgem a frente como desafios novos.

No momento, as circunstâncias orientam, quem ainda pode trabalhar em casa, ter seu próprio negócio, criar sua fonte de renda. Usando seu dispositivo móvel ou não.

Existem várias formas de se ganhar dinheiro, trabalhando em casa e assim desenvolver aquelas habilidades que você não havia ainda descoberto ou se sabia, não desenvolveu por alguma razão. 

computador sobre a mesa

Em muitos casos, realizar cursos dentro de suas habilidades, já adianta muito, considerando que você possui uma certa noção ou mesmo já tem as qualidades profissionais para essa nova realidade.

PEQUENOS NEGÓCIOS LUCRATIVOS


Então vamos lá, prepare-se para analisar cada uma dessas dicas e veja algumas dessas formas de como ganhar dinheiro trabalhando em casa.

Existem várias formas de se ganhar dinheiro com pequenos negócios rentáveis e aqui vamos dar algumas dicas, desses, trabalhando a partir de seus contatos.

Lembre-se que esses contatos eles serão adquiridos por meio de redes sociais ou não. Por isso que, necessariamente, você vai precisar de uma fonte de captação de pessoas para respostas das requisições de seus serviços.

Como ainda estamos na crise da pandemia, parece sem lógica sugerir esses tipos de serviços. Bem, como se sabe, precisa-se de máscaras de proteção, afinal, existem serviços que não podem esperar e aí vai ter que entrar em contato com um ou vários desses serviços.

Então, vamos lá!

1.LIMPEZA DE PISCINAS



limpeza de piscina

Nem é preciso dizer que este tipo de serviço não é para qualquer pessoa e qualquer um que já tenha tido uma piscina em sua residência ou trabalho, sabe o que estamos dizendo.

Precisa-se de um profissional na área para realizar esse tipo de serviço: manutenção e limpeza de piscina.

Uma piscina exige muito do especialista certos cuidados e ajustes, para o seu bom funcionamento. Claro que todos queremos uma piscina daquela cor límpida, azul maravilhoso. Mas, para isso, requer a mão de um profissional.

Se você tem experiência nessa área, está na hora de pensar em montar seu pequeno negócio começando com a melhor forma, atendendo seus clientes.

2.SERVIÇO DE ENTREGA DE REFEIÇOES



ffoto retalho de pizza

As estatísticas apontam que a cada ano o número de refeições fora de casa aumenta consideravelmente, na mesma proporção o número de refeições de restaurantes entregues nas residências.

Com a chegada da pandemia do Covid-19, a dinâmica do mundo teve que se reinventar em todos os sentidos, e isso se aplicou, também, aos negócios e sua forma de se relacionar com seus clientes e futuros cientes.

Uma das formas de se ganhar dinheiro trabalhando em casa é o serviço de delivery de refeições, lanches. E nesse caso, falamos nos dois sentidos tanto quem faz, quanto aquele que entrega. O serviço ganhou espaço, respeitando-se as medidas protetivas da saúde com relação a contágios.

Quem tem habilidades profissionais com o requisito alimentação, pode empreender de sua casa, fazendo e entregando refeições.

Para realizar essa atividade, você vai precisar de um veículo que possa transportar as refeições de forma segura e eficiente. Claro que é preciso verificar as condições do veículo, uma vez que você vai transportar alimentos.

Aliás, diga-se de passagem, é também, um modo como as empresas estão fazendo para alavancar suas vendas, sem, contudo, ficarem no prejuízo, por conta da pandemia. É o caso das grandes empresas de atacado e varejo, eletrodomésticos e outras.

Empresas que deram certo, mesmo com a pandemia, pode ser um exemplo de como se manter no mercado, mesmo diante de catástrofe de proporções globais, como é o caso da Amazon, Submarino, Magazine Luiza, Americanas. Embora essas empresas não trabalhem com refeições, mas só a título de exemplo.

3. MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES


computador sobre a mesa

Agora mais do que nunca, os computadores estão sendo muito usados em serviços de home 0ffice, devido à pandemia, e as empresas sabendo da necessidade de manter os contatos e o funcionamento da empresa disponibilizaram para os funcionários, os notebooks, computadores, para que os mesmos deem continuidade de seus serviços.

Enfim, surgem aí as oportunidades para quem entende de manutenção de computadores. Você já imaginou quantas empresas hoje não dispõem de funcionários que entendem desses serviços, e nem tem a mínima noção como manter os equipamentos da empresa? Então, mãos à obra.

Os seus clientes serão empresas ou pessoas de seus contatos. Uma forma de conseguir mais clientes, e isso é uma estratégia muito boa, é oferecer serviços gratuitos de diagnósticos, o que pode fidelizar novos contatos.

4. PLATAFORMA DE TREINAMENTO VIRTUAL


filmadora no tripé

Antes da chegada do covid-19 as academias, restaurantes, lanchonetes e outros segmentos que exigiam presença física dos clientes, estavam lotadas.

Com a implantação de medidas mais restritivas os empresários em geral tiveram que se adaptar ao novo estilo de negócio: uso das redes sociais, para atender uma demanda de clientes, que por hora, estão dentro de suas residências, obedecendo ao isolamento social.

Uma das formas mais usadas nessa crise da pandemia, é o uso da plataforma online nas academias de ginasticas. Nela os empresários usam a criatividade par manter seus clientes e receber novos visitantes. As aulas são liberadas e orientadas por cada instrutor.

Existem os pacotes para os novos clientes e aqueles que já são clientes. Tudo é uma questão de gestão e criatividade.

5. LOJAS DE BRINQUEDOS EDUCATIVOS


brinquedo infatil

Com a suspensão das aulas em todo país, a garotada está com tempo suficiente em casa e aí é que entra a ação de quem possui uma loja de brinquedos.

Certamente, os pais não teriam tempo suficiente para atender a demanda de filhos querendo algo para se divertir. Essa pandemia mudou o jeito de se relacionar com a garotada dentro de casa.

Sem criatividade e sem elementos para manter as crianças no entretenimento, após, evidentemente, os estudos, os pais buscam soluções nas lojas de brinquedos educativos.

Existem outras formas, claro, para se manter no mercado e ter seus pequenos negócios de sucesso, mas isso será objeto de outro artigo que será disponibilizado posteriormente.
_________________
Editor do blog*
Compartilhe nas suas redes sociais:

REVOLUÇÃO EMPREENDEDORA

A revolução empreendedora

Wellington Vitorino, 24, um dos criadores do Programa ProLíder, que recebeu 6 mil inscrições em 2018 e já formou 100 jovens empreendedores: “Precisamos agir agora”

Levindo Coelho Santos
“Nada é permanente, exceto a mudança”. A frase do filósofo grego Heráclito de Éfeso (504-456 a. C.) tem mais de 2.500 anos, mas nunca foi tão atual. No centro desse processo está o empresário inovador ou, na definição do economista austríaco Joseph Schumpeter (1893-1950), o “empreendedor”. 

É ele o agente das transformações que ocorrem por meio das combinações mais eficientes dos fatores de produção, fazendo com que produtos e serviços tornem-se obsoletos e sejam substituídos por outros, mais completos e eficientes. 

Dessa “destruição criativa” surgem diferentes métodos de produção que levam ao desenvolvimento de mercados e à redefinição da dinâmica competitiva.
Esse fenômeno ocorre com mais frequência e intensidade nos países desenvolvidos, onde um ambiente dinâmico e predisposto ao risco e à qualidade da infraestrutura estimulam a atividade empreendedora. Por outro lado, baixas taxas de escolaridade, sistemas de saúde inadequados, complexidade burocrática e interferência estatal dificultam sobremaneira o processo. 
Mas talvez o maior desafio para países em desenvolvimento seja alterar a percepção convencional de gestores públicos que falham em compreender no empreendedorismo um motor de transformação socioeconômica.
No Brasil, as políticas públicas direcionadas ao incentivo do empreendedorismo têm sido consistentemente limitadas, em profundidade e escopo. 

Além disso, ao se apropriarem indevidamente do termo “empreendedor” para, na prática, promover apoio ao auto-emprego de subsistência, os responsáveis pela formulação dessas políticas prestam enormes desserviços ao País.
Mas a incompetência de gestores públicos e nossas carências infra-estruturais não constituem barreiras intransponíveis. 

Isso porque a ideia que prevalece hoje é a do empreendedorismo como agente de um novo tipo de revolução: silenciosa e liderada por gente que valoriza o coletivo, possui uma visão privilegiada do mundo e, sobretudo, pensa grande; muito grande. 

Empreendedores revolucionários são movidos sempre por um forte sentimento de urgência.
Um dos exemplos mais extraordinários dessa rara casta de líderes no Brasil é Wellington Vitorino, 24 anos, nascido em São Gonçalo, interior fluminense de. Negro, pobre e criado numa região marcada pela violência, traçou um novo destino para si. 
Conseguiu formar-se em Administração de Empresas pelo IBMEC e juntou as economias acumuladas como monitor na faculdade para “realizar o sonho grande de transformar o Brasil”. 
Em 2015, juntou-se a dois amigos, Everson Alcântara e Lucas Leal, para fundar o Instituto Four (http://institutofour.org/), organização sem fins lucrativos que desenvolve jovens líderes para pensar em como solucionar os maiores problemas do Brasil. Leia mais
Compartilhe nas suas redes sociais:

7 IDEIAS BIZARRAS DE NEGÓCIO QUE SÃO SUCESSOS DE VENDA


Gato
Pensar em algo inovador é um dos principais caminhos para quem quer empreender. É tirar do papel algo que ninguém nunca sequer cogitou. Mas pode acontecer de algumas pessoas não concordarem com uma determinada ideia.

Entretanto, há vezes em que a inspiração do empreendedor é tão maluca, mas tão maluca, que ninguém acredita que aquilo vai dar certo. Mas desafiando todos os prognósticos, vários empreendedores atingem o sucesso com uma série de produtos e serviços bizarros.
Selecionamos algumas dessas ideias bizarras, mas que se tornaram um sucesso. Confira:

1. Ajuda contra a ressaca

Fazer uma festa em casa tem suas vantagens. A maior delas é a redução das despesas. No entanto, há duas grandes desvantagens nesse tipo de confraternização: a bagunça e a fome dos ébrios participantes da festa. No entanto, uma empresa enxergou nessa situação uma chance de crescer. 
Hangover Helpers faz a limpeza após a festa e ainda prepara café da manhã para os esfomeados.

2. Gatos que fazem suas necessidades na privada

Por mais absurdo que possa parecer, uma empresa criou um sistema promete ensinar gatos a fazer suas necessidades em uma privada humana.

O sistema, batizado como Litter Kwitter, tem três etapas. Na primeira, uma caixa de areia com o mesmo diâmetro da privada é colocada na abertura do vaso, para que o animal se acostume com o local. Depois, essa caixa é substituída por outra, já sem areia. Após um prazo de oito semanas, segundo o fabricante, o gato aprende a usar a privada.

3. Cartas do Papai Noel

Desde 2002, Papai Noel se aliou a uma empresa para entregar cartas para as crianças dos Estados Unidos. Pelo menos por lá, quem manda as cartas do bom velhinho é a Santa Mail.

Segundo o site da empresa, a Santa Mail recebe os pedidos e os manda para a casa do Papai Noel. De lá, Noel sela a carta e manda para as crianças. O storytelling faz com que a história se torne mais crível pelas crianças ansiosas por uma mensagem do Bom Velhinho. 
4. iPum

iFart, cujo nome associa o típico "i" da Apple à palavra inglesa que indica flatulências, não é dos aplicativos mais úteis. Sua função é, pura e simplesmente, fazer barulhos de pum. O que é inegável é que os criadores são bastante criativos, já que incluíram diferentes sons de flatulência.

6. Aluguel de frango

Uma empresa norte-americana prova que uma pessoa pode alugar qualquer coisa. A Rent-a-Chicken faz exatamente o que seu nome em inglês indica: aluga frangos. De acordo com Leslie Suitor, o criador da empresa, a Rent-a-Chicken é uma ótima opção para quem quer ter ovos frescos e, segundo Suitor, "o prazer de criar um frango". O aluguel normalmente inclui dois frangos, gaiola e comida.

7. Rede social para adúlteros

Criado por Noel Biderman, o Ashley Madison é um site de relacionamentos convencional, com a exceção de aceitar apenas pessoas casadas.

Apesar de a traição ser considerada uma coisa negativa, ela foi boa para as finanças de Biderman. Em 2015, o site se envolveu em um escândalo de vazamento de dados. Apesar disso, o serviço continua funcionando e o Brasil é o país com o segundo maior número de usuários – só perde para os EUA.  Fonte: Pegn
Compartilhe nas suas redes sociais:

DICAS PARA ABRIR SEU PRÓPRIO NEGÓCIO

Quer saber de algumas dicas para abrir seu próprio negócio? Em época de crise ou não, sempre surge no cenário do mercado brasileiro, aquele personagem com ideias fantásticas, visão com ideias para negócios

DICAS PARA ABRIR SEU PRÓPRIO NEGÓCIO

É aí que entram as ideias de empreendedorismo nato. Mas, para se lançar no mercado do empreendedorismo, necessário se faz um bom planejamento. Se você tem interesse em abrir seu próprio negócio, veja aqui as dicas: 

1-PRECISA-SE DE UM PLANEJAMENTO

Todo negócio seja ele físico ou online precisa, antes de tudo, ter um bom planejamento para abrir um negócio. Colocar no papel as ideias, tem muitos resultados. 

Aliás, no dia a dia, utilizamos essa pratica o que sem ela não teremos sucesso. Assim funciona também no que tange a  empreendedorismo negócios.


caneta sobre papel

A base de todo empreendimento passa pelo crivo de ir em busca de informações, levantamento de dados, para traçar os propósitos da empesa, tipo de investimento, etc.

O objetivo de todo esse levantamento prévio, é para se ter uma ideia de saber se o negócio tem realmente sentido de existir como negócio ou não.


Não valerá apena entrar de cabeça em determinado negócio sem o planejamento adequado.

2- FAÇA UM PESQUISA DE MERCADO

Faça uma pesquisa, procure descobrir onde seu negócio pode ser aceito e se realmente ele é necessário para o determinado público. 

Lupa sobre mapas

Muitas empresas já se encontram fadadas à falência mesmo antes de começar suas atividades, pelo fato de não seguir esta dica tão importante.

3- PLANEJE SEUS INVESTIMENTOS

moedas e canetas sobre papéis

Como todo empreendimento de negócio, abrir uma empresa tem seus custos de abertura, notas fiscais, enfim, toda documentação necessária para que sua empresa de fato funcione sem problemas.

Para entender mais sobre os primeiros passos para abrir um negócio, assista este vídeo do Gustavo Cerbasi.



Gosto muito dessa frase que o Gustavo Cerbasi falou: "negócios são feitos com base em cálculos, planilhas, reuniões com contadores, advogados. Se todo esse estudo não se mostra viável, projetos devem ser descartados".

Realmente quando administramos um negócio baseado puramente nas emoções, os resultados não são nada animadores. 

E, para não ser muito pessimista, todo esse sentimento, pode acabar destruindo seus projetos de ter um negócio próprio sustentável, equilibrado. Seja um empreendedor com os pés no chão. Administre bem seus negócios. Abraços e sucesso!

Curta nossa fã page
Compartilhe nas suas redes sociais:

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS

Quando o assunto é oportunidades de trabalho, atividades tradicionais e atividades na internet, não se devem desprezar os desafios que surgem à frente. Afinal, como dizem os mais antigos que oportunidade surgem e desaparecem rapidamente. Então, não se deve perder nem mais nenhum tempo.

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS

No ramo do empreendedorismo, pelo que estamos observando ultimamente, até mesmo aqueles que nem ainda tem idade própria, estão iniciando no marketing digital, tornando-se os mais novos empreendedores, chamados assim de "pequenos empreendedores". 

Já vemos crianças que já se tornaram garotos propaganda de marcas de brinquedos, faturando uma grana considerável. Claro, com a ajuda dos pais, eles se lançaram nesse mercado digital. 

Então, o propósito é deixar essa mensagem para você que pretende ingressar nesse mercado de negócios, quer sejam digitais ou físicos, 

Aproveitem cada momento de sua vida. Se você tem habilidades em alguma coisa que possa se transformar em ideias de negócios, siga em frente e faça valer as oportunidades de negócios em sua vida.

Assista esse vídeo e veja mais ideias de negócios.

Créditos: Canal SBT
Compartilhe nas suas redes sociais:

Postagens Mais Lidas

FORNECEDORES DE SUCESSO


 

Total de visualizações de página

Publicidade